sexta-feira, 25 de janeiro de 2008

A MÓNADA


Muitas pessoas têm-me perguntado: "O que é a Mónada?" Por isso, no post de hoje partilho convosco um dos melhores textos que li sobre este assunto. Ora leiam também:

"Estamos na nossa experiência terrena condicionados ao Eu, um condicionamento necessário à evolução e expansão do Todo. Este condicionamento permite-nos viver e experienciar a vida na Terra como seres individuais, fazendo-nos esquecer um pouco da nossa existência primordial e da nossa ligação ao Todo.

Uma das teorias mais interessantes referentes à forma como se dá a ligação ao Todo é a proposta pelo Dr. Joshua David Stone, Ph. D. em psicologia transpessoal, a Teoria das Mónadas, a qual é sustentada pelos ensinamentos de dois dos mestres de Joshua, a britânica Alice Bayley (1880-1949) e o tibetano Djwhal Khul.

Segundo esta teoria, existe uma energia que se designa Mónada que se divide em 12 extensões que se designam Alma. Por sua vez, cada alma divide-se em outras 12 Extensões da Alma que experienciam a densidade, seja na Terra seja em outro plano material; assim sendo, cada um de nós que experiencia a vida na Terra, é uma extensão de uma energia superior designada alma.

Uma mónada é assim constituída por um total de 144 extensões que constantemente partilham experiências entre si, evoluindo e fazendo evoluir cada alma e consequentemente cada mónada. A energia Alma pode também ser vista como a energia que cada vez com mais frequência se conhece como o Eu Superior e a Mónada, na sua ligação com todas as outras mónadas, a energia que normalmente se designa por muitas culturas, como Deus.

Esta teoria acende muitas luzes, por exemplo, sobre o mundo dos sonhos. Quando sonhamos, acedemos também às memória e experiências de todas as outras 143 extensões da mónada, mas mais estreitamente às memórias das 11 extensões da alma que pertencemos. Durante um sonho pode ocorrer uma cura ou simplesmente uma das outras extensões, ou mesmo a energia da alma, pode-nos dar informação valorosíssima para a resolução de determinado problema.

Medos e fobias podem até ser aliviados, se a extensão está a passar por momentos demasiado dolorosos e a alma decide que a experiência não está a decorrer de acordo com a experiência pretendida. Normalmente isto acontece através da experiência de sonho que designamos por pesadelo mas que se deve entender como uma experiência necessária para a cura de determinado aspecto em nós próprios.

Esta teoria explica também determinadas dores ou efeitos físicos sem causa aparente, que acontecem inexplicavelmente e desaparecem conforme surgiram. Por exemplo, se uma das extensões da Alma está a experienciar uma morte traumática, ou dolorosa fisicamente, essa dor pode ser experienciada, ainda que a um nível subtil, pelas outras 11 extensões da mesma alma, ou mesmo, por todas as outras 132 extensões das outras 11 almas pertencentes à mesma mónada.

Esta teoria diz-nos ainda que, quando se entra em processo de regressão, está-se não só a aceder aos nossos registos akáshicos, mas, se necessário, aos registos das outras 143 extensões da mónada, caso por exemplo, se uma experiência doutra extensão influenciou duma forma marcada, a nossa vida actual.

O facto de sentirmos inexplicavelmente que conhecemos uma pessoa há muito tempo, quando a acabámos de conhecer à minutos, explica-se por esta teoria, pois essa pessoa pode simplesmente ser uma das outras 11 extensões da sua alma, com a qual, você partilha as suas experiências e que normalmente na Terra designamos como Alma Gémea.

Estar na presença de uma das outras 132 extensões das outras 11 almas, pode também fazer aflorar o sentimento de familiaridade. Diz-se que quando duas extensões da mesma alma se juntam numa mesma experiência, se cria uma energia muito forte e que quando os seus propósitos de vida na Terra é a evolução dos aspectos ligados ao corpo espiritual, ambas as extensões evoluem bastante pois a sua ligação é bastante mais estreita.

A teoria das mónadas mostra-nos por fim, que somos todos Um, porque todas as mónadas estão também ligadas entre si, evoluindo e trabalhando constantemente para a evolução e expansão do TODO... "


texto de autor desconhecido retirado de http://www.portais.org



Espero que este texto tenha contribuido para o desvendar da minha própria essência que afinal é a mesma essência de todos vós também.


No TODO que SOU sintam-se profundamente amados por mim... pois todos somos filhos de DEUS PAI/MÃE co-criando neste imenso Universo ou se ainda tiverem capacidade de ver mais além... Neste imenso MULTIVERSO onde se manifestam todas as nossas dimensões.


Fiquem na GRANDIOSIDADE do AMOR desta vossa Mónada...


Fiquem bem...


(A Mónada)

2 comentários:

Anónimo disse...

Buen blog, Si quieres escuchar músuca bolivariense, pásate pro nuestra web y descarga los mp3:
http://www.bolivarrock.es.vg/

A Mónada disse...

Muchas gracias.

Passarei en tu sitio para escuchar-la

Bien venido siempre a esta tua NAVE.

Fica bien...

(A Mónada)