quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

UM EXCELENTE 2O1O




UMA EXCELENTE ENTRADA NO ANO DE

2010



Que o vosso coração seja, em todos os dias deste
novo ano de 2010,
banhado pela

LUZ do AMOR
Fiquem bem
(A Mónada) e MARLIZ

domingo, 27 de dezembro de 2009

O Renascimento de JESUS em nossos corações...


O significado profundo desta "estação espiritual" é celebrar e receber a Luz em nossos corações (chakra cardíaco) pois nos tornamos semelhantes a Ele que nos ama ao extremo, sem medidas e sem reservas, que veio estar conosco para nos mostrar o Caminho da Liberdade. Por meio deste nascimento ele nos abre o Caminho da Ascensão. O grande mistério de Cristo Jesus é que, sendo Deus, tornou-se homem, habitou um corpo em um mundo primitivo, fez-se igual a cada um de nós com a fragilidade de nossa condição humana.

O nascimento de Jesus é o momento em que chega a Semente Divina que contem os seguintes atributos:


Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte - Is 9:6
Pai da Eternidade e Príncipe da Paz
- Is 9:6
Porta e Pastor
- Jo 10:10
Luz do mundo - Jo 8:12
Caminho, Verdade e Vida - Jo 14:6
Libertador - Jo 8:36
Videira Verdadeira
- Jo 15:1 R
Ressurreição e Vida - Jo 11:25
Adão - I Co 15:45
Advogado - I Jo 2:1
Alfa e Ômega - Ap 1:8 ; 22:13
Apóstolo da nossa confissão - Hb 3:1
Autor da Salvação - Hb 2:10
Autor da Vida - At 3:15
Autor e Consumador da Fé - Hb 12:2
Bem- aventurado - I Tm 6:15
Único soberano - I Tm 6:15
Braço do Senhor - Is 5:19; 53:1
Cabeça da Igreja - Ef 1,22
Chefe - Is 55:4
Consolação de Israel - Lc 2:25
Cordeiro de Deus - Jo 1:29
Criador - Jo 1:3
Cristo de Deus - Lc 9:20
Desejado de todas as nações - Ag 2:7
Deus bendito - Rm 9:5
Deus Unigênito - Jo 1:18
Deus - Is 40:3
Emanuel - Is 7:14
Eu Sou - Jo 8:58
Filho Amado - Mt 12:18
Filho de Davi - Mt 1:1
Filho de Deus - MT 2:15
Filho do Altíssimo - Lc 1:32
Filho do Homem - Mt 8:20
Filho do Deus Bendito - Mc 14:61
Glória do Senhor - Is 40:5
Grande Sumo Sacerdote - Hb 4:14
Guia - Mt 2:6
Herdeiro de todas as coisas - Hb 1:2
Homem de dores - Is 53:3
Imagem de Deus - 2 Co 4:4
Jesus de Nazaré - Mt 21:11
Jesus - Mt 1:21
Juiz de Israel - Mq 5:1
Justiça nossa - Jr 23:6
Justo - At 7:52
Leão da Tribo de Judá - Ap 5:5
Legislador - Is 33:22
Mediador - 1 Tm 2:5
Mensageiro da Aliança - Ml 3:1
Messias, o Ungido - Dn 9:25, Jo 1:41
Nazareno - Mt 2:23
Nossa Páscoa - I Co 5:7
Pão da Vida - Jo 6:35
Pai Eterno - Is 9:6
Pastor e Bispo das Almas - 1 Pe 2:25
Pedra Angular - Sl 118:22
Poderoso de Jacó - Is 60:16
Poderoso Salvador - Lc 1:69
Precursor - Hb 6:20
Primogênito - Ap 1:5
Príncipe dos Pastores - 1 Pe 5:4
Princípio da Criação de Deus - Ap 3:14
Profeta - Lc 24:19
Raiz de Davi - Ap 22:16
Redentor - Jó 19:25
Rei dos reis - I Tm 6:15
Rei dos santos - Ap 15:3
Rei dos Judeus - Mt 2:2
Rei dos séculos - 1 Tm 1:17
Rei - Zc 9:9
Renovo - Is 4:2
Resplandecente Estrela da Manhã - Ap 22:16
Rocha - I Co 10:4
Rosa de Sarom - Ct 2:1
Santo de Deus - Mc 1:24
Santo de Israel - Is 41:14
Santo servo - At 4:27
Santo - At 3:14
Semente da mulher - Gn 3:15
Senhor da glória - I Co 2:8
Senhor de todos - At 10:36
Senhor Deus - Is 26:4
Senhor dos senhores - I Tm 6:15
Siló - Gn 49:10
Soberano dos reis - Ap 1:5
Sol da justiça - Ml 4:2
Sol nascente - Lc 1:78
Testemunha fiel - Ap 1:5
Testemunho - Is 55:4
Todo- Poderoso - Ap 1:8
Verbo de Deus - Ap 19:13
Verbo - Jo 1:1
Verdade - Jo 1:14
Doador do Espírito Santo - Mt 3:11
Primeiro e Último - Is 41:4
Fundamento da Igreja - Mt 16:18
Omnipresente - Ef 1:20- 23
Omnipotente - Ef 1:20- 23
Omnisciente - Ap 1:8 - Jo 21:17
Santificador - Hb 2:11
Mestre - Lc 21:15
Inspirador dos profetas - I Pe 1:17
Supridor de Ministros à Igreja - Ef 4:11
Salvador - Tt 3:4- 6


Recebam-na em vossos Corações e ...


Vivam em PAZ e AMOR.


Fiquem bem


(A Mónada)

quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

FELIZ NATAL ...


























Chegámos ao momento em que todos vamos celebrar o nascimento de Jesus, menino Deus que nos ilumina há mais de 2000 anos e que nos vai continuar a iluminar...

FELIZ NATAL PARA TODOS



FELIZ NATAL NA TERRA E NO CÉU...


Vivam-no em PAX... Muita LUZ... Muito AMOR e fiquem bem...



(A Mónada)


sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

365 dias de Natal


O tempo corre veloz, e heis-nos de novo a viver mais uma época natalícia. Dizem por aí que é tempo de reunir as famílias, trocar presentes, partilhar AMOR, será que isto é a Verdade mais profunda que guarda cada Coração Humano?

Se nos permitirmos, sentir o que nos diz o Coração, podemos perceber, que realmente, esta não é a Verdade do Natal. Celebrar o Natal, é viver esta época, em Jesus e com Jesus, pois é nesta altura do ano, que se festeja o seu nascimento e o propósito da sua vinda a este Amado planeta, ou seja dar a conhecer aos seres humanos, a sua Luz e a sua Imortalidade, e a partir deste sentir, partilhar então em Amor e Comunhão com todos os Seres que nos rodeiam.

Assim o que temos vindo a observar, é algo longe deste prossuposto, o Natal é festejado, no meio de grande desperdício, de opulência, no apelo desenfreado ao consumismo, no ritmo alucinante do frenesim das compras, na hipocresia de sentimentos, na falta de respeito pela dignidade humana e pelo livre arbitrio de cada um, sendo que a palavra jesus, praticamente já nem é proferida na maioria dos lares, isto porque Jesus há muito tempo que deixou de ser convidado para passar o Natal no seio das famílias.

Mas está na hora de reverter esta forma de estar, a mudança está aí, abrem-se as portas para um novo ciclo, Uma Nova Consciência irrompe em cada SER, e Jesus já nâo necessita de convite nem de uma data especial para ser lembrado para estar presente, porque ele já renasceu no Coração de cada UM, assim permitam que Ele se manifeste.

E agora que os ventos do Renascimento, envolvem este Amado Planeta com a celebração de mais um Natal, a Luz de JESUS envolve todos os Seres, lembrando a todos que só em AMOR, viverão em Paz,mas não apenas nos dias 24 e 25 de Dezembro, mas sim nos 365 dias de cada ano, porque no CORAÇÂO de Jesus o Natal é festejado todos os dias.

Assim neste Natal, lembrem-se de todos os Seres, orem pelos amigos e também pelos que não o são, pela Mãe Terra, abram o vosso Coração aos necessitados, de carinho e de bens essenciais, porque um pouco do excesso de cada um, torna-se na Alegria e no Aconchego, dos que mais nessitam, e que sofrem nas mãos da indiferença da sociedade que os rodeia. E AGORA É SÓ ALARGAR ESTE SENTIMENTO DE PARTILHA A TODOS OS DIAS DO ANO. Acreditem que não dói nada, e torna o Coração pleno de AMOR pelo outro que SOU EU.

E, assim, Jesus o Mestre dos Mestres, disse praticai o AMOR Incondicional, esse dom Magistral, que Mãe/Pai colocou em cada Coração, AMAR sem limites, ultrapassando todas as barreiras, para trazer à LUZ das Consciências O PODER DO VERDADEIRO AMOR, só este PODER resgatará a Humanidade para a LUZ ETERNA, este é o Maior Presente deste Natal.

O TESOURO DE JESUS NESTA SUA SEGUNDA VINDA.


Desejo a todos quantos nos visitam um SANTO NATAL, que a Luz de Jesus encha os vossos lares e os vossos Corações.

Fiquem na minha Paz

EU SOU A VOZ DO CORAÇÃO

EU SOU

MARLIZ

sábado, 12 de dezembro de 2009

A história dos três Yoguis...

"Conta-se que três yoguis, que procuravam a perfeição, tinham ido meditar para a floresta. Passou um homem e, encontrando o primeiro no seu caminho, deu-lhe uma pancada. O yogui levantou-se e, em resposta, deu-lhe duas! Para este, a perfeição ainda estava longe e a história não refere se ele retomou a sua meditação. Continuando o seu caminho, o homem encontrou o segundo yogui e deu-lhe também uma pancada. Este levantou-se para reagir, mas, subitamente, retomou o controlo de si e sentou-se de novo. Este, ao menos, tinha aprendido o autodomínio! Quanto ao terceiro yogui, ele levou a pancada, mas nem sequer se apercebeu e continuou a meditar tranquilamente.

A lição é fácil de tirar: o primeiro yogui pertencia ainda à categoria dos humanos vulgares, que ripostam invocando a justiça e, infelizmente, se deixam arrastar para a injustiça. O segundo era daqueles que aprenderam a dominar-se, porque reflectiram nas consequências dos seus actos; eles dizem para si mesmos: «Não vale a pena reagir, vou tornar as coisas ainda piores.» Quanto ao terceiro, ele já era tão evoluído que nem sequer sentiu que lhe tinham batido."


Mais um pequeno texto de Omraam Mikhaël Aïvanhov

Esta história dos três yoguis à primeira vista parece-nos levar a um estado de indiferença perante a injustiça… eu digo-vos parece, pois podeis incorrer no erro de o leres com base na vossa vivência terrena e física.

Mas não é nada disto que esta história nos fala. Lembrai-vos de algo muito semelhante vivido pelo Mestre Jesus, ao oferecer a outra face quando foi esbofeteado.

Seria ela masoquista ou insensível à dor ou indiferente à agressão e à injustiça de que era alvo?

Nesta história, o que se pretende mostrar é que quando nos centramos na nossa essência de AMOR Maior, estamos protegidas até contra as maiores injustiças e agressões. Este AMOR Maior leva-nos ao entendimento que aquela injustiça ou aquele acto de agressão, tem um propósito maior do que uma mera ofensa à nossa personalidade ou até ao nosso corpo.

Se tu estiveres ligado a Mãe/Pai, sabes que estas coisas fazem parte do teu percurso evolutivo e que te deves encher de compaixão, pois não só te servirá para aprenderes a dar entendimento às tuas emoções, o que se pode traduzir no comportamento do segundo Yogui, como podes manter-te no teu centro de AMOR Maior e entenderes que tal não te afecta, por isso não reages, pois nem sequer o sentes como injustiça, dor ou outra qualquer forma de agressão. Tu sabes que é na imaterialidade do teu Ser que está a LUZ e dela não podes sair.

Agora tens tu de pactuar com a injustiça, acto de agressão, ou com quem te possa provocar essa dor? Claro que não!!!

Tens de ficar indiferente às consequências que determinado acto de injustiça, agressão ou ofensa provocam? Claro que não!!!

Então o que fazer?

Apenas te respondo que tudo o que fizeres baseado no AMOR que te liga a Mãe/Pai a partir do teu centro de LUZ, será sempre o mais Perfeito. Tudo de facto é Perfeito para aquele que vive na LUZ de Deus.

Verás que as tuas palavras, assim como as tuas acções, serão movidas por uma infinita compaixão.

Acredita que assim é… Confia que assim seja e Entrega-te para que assim se expresse.


Assim viverás naFé. Foi isto que o Mestre Maior Jesus nos ensinou.

Mesmo no meio do seu maior suplício, que foi a dor da injustiça da sua morte na cruz, ele com o coração cheio de AMOR e em ligação com Mãe/Pai, a todos perdoou.

E o que achas… Isto é ficar indiferente?

Reconhece o teu Caminho para a LUZ. Deixa-te possuir por esse AMOR MAIOR.

Fica bem...

(A Mónada)

sábado, 5 de dezembro de 2009

LIBERTA-TE...


Tu que és Luz
Fica atento a Ti
Liberta-te da mente
Permite que a tua
Alma renasça,
Escuta o silêncio
Entra no vazio
Vive o teu Interior,
Deixa para trás
A Ilusão do mundo dual
Vê quanta beleza
Em cada minuto de Vida
Concentra-te no milagre de Ser.


Agora que estás em Paz
Deixa expandir o teu Amor
Até ao Coração Universal,
Nesta fusão Sublime
Enche-te de Compaixão
Por tudo o que te rodeia,
Sente o sibilar dos
Ventos da Nova Terra
Aceita o Compromisso
Caminha em Mim
Ousa Libertar-te
E terás a Eternidade.



ESTES SÃO OS VENTOS NESTA HORA DE MUDANÇA.

Fiquem na minha Paz

EU SOU A VOZ DO CORAÇÃO

EU SOU

MARLIZ

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Caíste outra vez...


"Não é fácil atingir estados superiores de harmonia, de paz, de alegria, mas, apesar de tudo, isso não é o mais difícil; o mais difícil é mantê-los. Por falta de atenção, por negligência, deixa-se que eles se diluam e até se esquece que eles foram vividos.

Vós direis que não podeis permanecer imóveis durante horas, de olhos fechados, ocupados a manter em vós a mesma harmonia, a mesma luz. Claro que há outras actividades à vossa espera, e necessariamente mais prosaicas. Mas, ao mesmo tempo que vos ocupais dessas diferentes tarefas, podeis muito bem evitar descer aos níveis inferiores da consciência e cuidar desse estado espiritual como de um objecto precioso que transportais: de vez em quando, olhais para ele a fim de vos assegurardes de que continua lá, intacto, irradiante."

Texto de Omraam Mikhaël Aïvanhov

Tu hoje deixaste-te cair num estado de tristeza. Voltaste a sentir-te só. Sentes-te incapaz de atingir os teus objectivos. Revoltas-te contra ti e contra Quem mais Alto te AMA profundamente. É esta a tua opção de estar? É esta a tua escolha?

Para te consolares achas que já fizeste tudo e nada nem ninguém te pode ajudar. Recorres a DEUS e ELE parece-te que está “surdo” e não te ouve. Não é?

Então ainda não entendeste nada. Ainda não percebeste que em cada sinal, em cada adversidade, em cada dor, em cada insucesso existe uma aprendizagem a fazer. DEUS não te concede a graça de seres ouvido e atendido porque simplesmente tu tens o potencial de superar essas dificuldades ou essa dor imensa. Porque é esse um dos teus propósitos Maiores e foi essa uma das aprendizagens que vieste fazer nesta vida.

Deus, como te ama profundamente, coloca no teu caminho pequenas ajudas, sinais que te mostram a direcção certa, mas és tu que tens de estar suficientemente atento e desperto para te aperceberes deles e ganhares consciência do conhecimento e sabedoria que podes adquirir.

Quando o autor refere “o permanecer imóveis durante horas, de olhos fechados”, refere-se ao estado alterado de consciência que nos conduz ao auto-conhecimento – a meditação – neste estado aprendes a dar significado às tuas emoções e sensações mais subtis, onde muitos destes sinais te chegam e te ajudam a encontrar o que tanto buscas.

Aprende a aceitar essa adversidade ou essa dor como uma dádiva dos Céus que te permite decifrar e ganhar consciência de uma sabedoria Maior, para a qual tu tens de caminhar e atingi-la, pois seguramente foi esse o caminho que tu escolheste vir experienciar nesta vida.

Não te revoltes, nem contra ti nem contra ELE, pois isso só significa que vives na ilusão. Sei que muitas vezes é muito difícil suportar as agruras da vida e essa dor que hoje trazes no peito, para ainda sentires “estados superiores de harmonia, de paz, de alegria”. Mas já reparaste que é exactamente essa a tua escolha, a tua opção, e longe do teu centro preferes não te renderes nem te entregares à tua dor e por isso, aos poucos, de uma forma subtil, vais-te deixando afundar nos tais "níveis inferiores da tua consciência".

Antes porém, sente que no teu centro emana uma Energia que te devolve a ti mesmo. Uma energia de FÉ e AMOR. Aquela que acredita, confia, entrega e AMA. Aquela que te permite ganhar forças para ultrapassar e transcender a tua dor, a tua adversidade, o teu problema.

Ergue-te agora e regressa ao teu Caminho com a gratidão de Seres o que és!

Eu sei que tu consegues. Tu tens esse potencial.

No mais profundo de ti, tu encontras esse AMOR, essa harmonia, essa PAX, essa enorme Alegria de estar VIVO…

EU SOU o que EU SOU! PROFUNDAMENTE AMADO EU SOU!

Fiquem bem,

(A Mónada)

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

REENCONTRO...


Já reparaste bem, na riqueza e no sentido que a palavra AMOR nos pode transmitir em todas as áreas da Vida, caso estejamos disponiveis para a aceitar em nós? É uma palavra pequenina, simples de pronunciar, mas tão doce no seu conteúdo, vibrando em cada Coração, num sentimento puro e profundo que se manifesta através da tua Essência.

Todo o sentimento de Amor é Sublime, tão Puro e Cristalino, assim é a Luz que o teu Coração irradia quando entras em sintonia com o AMOR do Pai/Mãe. O Amor perdura pela eternidade, ele acompanha a Alma Vida após Vida, vibrando nesta energia que é única, mas que se encontra ao alcance de todos que a queiram deixar manifestar em Si.

Podes ter tido vários corpos, é certo, que te serviram de veículo, para te manteres neste Mundo da fisicalidade, mas a tua Alma é única, plena de AMOR e eterna. Porque estranhas tanto então, esta energia que te pertence, e que na realidade ÉS TU?!... Porque teimas em pensar que não és um Ser Amoroso, e rejeitas ser amado?!... Sabes porque é que isso acontece? É muito simples de entenderes... Acontece apenas porque não te Amas e não aceitas ainda seres quem ÉS.

Ama-te deixa que o teu Coração se Ilumine, renasce para a Vida, quando tiveres instalada em Ti a certeza de quem ÉS, não mais irás negar esta realidade, apesar de achares que estás separado Fonte que Tudo É, e isso é pura Ilusão, pois tu és a expressividade do AMOR DIVINO na fisicalidade.

Acredita no teu Coração, nutre-o deste sentimento maravilhoso que é o AMOR, escuta-o, ele te dirá toda a Verdade que necessitas para o teu REENCONTRO com o Pai/Mãe nesta Nova Consciência Terrena.

«Ama Incondicionalmente e encontrarás na Alma do outro a tua própria Alma».

PORQUE SOMOS TODOS UM EM AMOR E LUZ.

Fiquem na minha Paz...


EU SOU A VOZ DO CORAÇÃO

EU SOU

MARLIZ



domingo, 22 de novembro de 2009

O Olho de Deus


"O olho no centro de um triângulo é um símbolo muito divulgado no cristianismo e em certos movimentos espirituais. Ele representa o olho de Deus que vê tudo. Isso não significa, como alguns crêem ingenuamente, que Deus está lá no Céu ocupado a observar-nos e a anotar todas as nossas acções boas e más para depois nos punir ou nos recompensar. Esse olho está em nós, é ele que nos observa, que nos vigia.

É desejável sentir-se vigiado por este olho interior, pois é ele que nos protege de errar. Nós devemos mesmo pedir-lhe que ponha sempre o seu olhar em nós e regozijar-nos quando, no momento em que vamos desviar-nos, o simples facto de sentirmos esse olhar nos mantém no bom caminho."

Texto de Omraam Mikhaël Aïvanhov

Mas que errada é a visão de Deus daquele que ainda não O encontrou dentro e si. Deus és tu e o Universo de LUZ que é o teu interior.

Ainda não o descobriste? Nunca te preocupaste em descobri-lo?

Então como podes ver Deus no teu irmão?

Tu podes ser esse Observador Transcendental, aquele que observa sem criticar, sem objectar nem julgar. Aquele que não olha com os olhos das tuas crenças, dos teus mitos e dos teus condicionalismos impostos pela sociedade e os seus errados modelo educativos. Aquele que olha com o coração misericordioso e compassivo de quem tudo É. Aquele que vê para além das aparências físicas, do estatuto social, e das posses materiais.

Esse é o olho de Deus, activado pela Energia da Chama Trina do teu coração ou se preferirem pelo Espirito Santo. É esse que é representado pelo triângulo celestial brilhante, com um olho no seu interior.

Mesmo tu que dedicas a tua vida ao serviço do teu irmão e que te habituaste a dar o melhor de ti ao serviço do próximo. Mesmo tu que te chamas de Espiritualista e és terapeuta holístico, não te esqueças que és um sacrário vivo e que encerras em ti a centelha da Vida de Mãe/Pai, e que tens de ser genuíno e integro na tua fé.

Nunca te esqueças que o teu trabalho só pode ser feito se sentires essa LUZ em ti, porque não és tu que curas mas a LUZ que tu canalizares para os outros e essa LUZ depende da ligação que tu fizeres através da tua Alma.

Sentir-se vigiado por esse olho interior é sentir a consciência e a LUZ do Ser que habita em ti e que te liga a Deus. É sentir que algo não está bem quando nos desviamos do nosso caminho, é a vontade de mudar quando sentimos o impulso para tal e é a responsabilidade que nos faz assumir os compromissos para connosco mesmos.

Sentir-se olhado assim pode ser incomodativo para quem se encontra na ilusão, pois os egos não gostam de ser observados e detestam ser apanhados na incoerência do sentir do bater do coração.

Tu és um Ser Divino e por isso esse teu olho interior é O Observador derradeiro.

AQUELE que te AMA profundamente.

AMADO eu Sou! AMADO eu Sou! AMADO eu Sou!

Fiquem bem,

(A Mónada)

terça-feira, 17 de novembro de 2009

MULHER


EU SOU
O QUE EU SOU
Criança
Mãe
Mulher
Rainha
Deusa de Mim
E de Ti
Sei Agora
Para onde vou
Levando comigo
Esta LUZ
Que me Ilumina
Energia Universal
Amor Esperança e Doçura
Resgatada
Em cada SEIO de Mulher
Néctar da Vida
Que nutrirá
A Nova Humanidade
Mel de Mim e de Ti
Mulher Homem
No equílibrio do Ser Divino
Que EU SOU.




Fiquem na minha Paz

EU SOU A VOZ DO CORAÇÃO

EU SOU

MARLIZ

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Somos seres espirituais a viver uma experiência humana...


“Somos seres espirituais a viver uma experiência humana e não seres humanos a ter uma experiência espiritual”


Uma frase simples e quase verdadeira que muitos não a entenderão assim, pois não reconhecem a sua eternidade como seres espirituais que são. Toda esta questão começa com a simples pergunta:

Quem sou eu?

Ao tentarmos responder buscamos a continuidade do nosso Ser e começamos a descobrir que tudo o que percepcionamos é descontínuo ou seja: Começa e acaba. Reparem que, por exemplo, quando nos tentamos identificar com o corpo deparamo-nos com a morte das células de uma forma cíclica e mesmos o aglomerado celular do nosso corpo nasce, cresce, envelhece e morre. O Corpo é um dos nossos veículos de expressão na materialidade. É impossível identificarmo-nos com o nosso corpo pois isso seria a mesma coisa que dizermos que somos o nosso carro quando de facto somos apenas aquele que viaja nele.

Na mente residem pensamentos que começam e acabam e que se interligam como as pequenas células se interligam no nosso corpo físico para formar o órgão. Na mente o fluxo de pensamentos permite-nos raciocinar, resolver, criar, relacionar… tem memórias que se interligam formando corpos mentais tais como: crenças, conhecimento, mitos, etc. Na prática a nossa mente não é mais do que mais um veículo da nossa expressão da criação na fisicalidade.

Outros dos aspectos associados aos nossos pensamentos são as emoções. Esses ainda são mais subtis… um facto ou um pensamento podem nos emocionar de determinada forma e no momento seguinte, os mesmos pensamentos e os mesmos factos, podem-nos emocionar de forma completamente diferente. Tal como os pensamentos, as emoções também começam e acabam. As emoções interligam-se permitindo-nos vivenciar sentimentos e aglomeram-se constituindo corpos emocionais. Um dos exemplos é o nosso corpo de dor, aquele que se deixa hipnotizar por imagens de dor e sofrimento. Por isso, estes corpos emocionais são também eles veículos da nossa expressão da nossa vivência neste mundo material.

Nesta incrível busca do contínuo e presente que nos possa identificar chegamos à energia que anima os diversos corpos percepcionados e não percepcionados. Esta chama de consciência universal que tende a encontrar individualidade na fisicalidade mas que é igual na essência de cada Ser Humano. É a chispa da Divindade em nós. É a pequena parcela da consciência e energia universal que nos habita. A esta presença que detectamos subtilmente em nós chamamos de espírito, aquele que simplesmente observa e que não pensa, não se emociona, não objecta, não critica e não julga.
Essa parcela de energia consciencial existente no mais profundo vazio de nós é eterna, não envelhece, não cresce nem se altera. Por isso o tempo não é referência e muito menos é o espaço.

Esta é a energia que nos anima desde a fecundação do óvulo de nossa mãe e que habita em nós, até à hora da nossa morte, libertando-se de seguida e reunindo-se à luz cósmica, se não levar consigo as memórias dos apegos e das cargas emocionais que em si cristalizaram. No momento em que nos libertamos dos nossos corpos deixamos de ser seres humanos encarnados para passarmos a ser pessoas espíritos até nos despirmos de toda a individualidade.

A tomada de consciência deste simples facto, transforma a morte apenas num portal que nos transporta para uma outra dimensão e que nos proporciona o retorno a casa e ao nossos estado mais natural que é o de sermos seres espirituais unidos e em comunhão com Mãe/Pai que TUDO é.

Como seres espirituais eternos que somos, os meros 80 anos confinados a uma fatiota biológica proporciona-nos a capacidade de criar na fisicalidade, expressando-nos não só em obras e acções espantosas mas também em pensamentos e emoções que integram uma imensa energia em evolução e expansão.

Tal como se deu o BIG BANG para a matéria no nosso Universo de LUZ também se deu o BIG BANG da Consciência divina que se mantém através de nós em evolução e expansão.

Sim… nós somos de facto Seres espirituais que escolheram viver uma experiência Humana na Fisicalidade. No entanto e nessa condição todos nós procuramos viver cada vida como vivemos a nossa eternidade, ou seja, como uma experiência espiritual.

Resta-nos uma pergunta sobre o que afinal nós somos: O que são 80 anos perante a eternidade?

Fiquem bem...

(A Mónada)

domingo, 8 de novembro de 2009

PORTAL 11:11 - A Meditação da Rosa Sagrada

Mandala da autoria de Teresa Matos



Vamos entrar em mais um importante Portal, o 11:11, dia 11 de Novembro de 2009, e que nos prepara um outro ainda mais importante que o ocorrerá em 2011, mais especificamente a 11 de Novembro de 2011 o portal 11:11:11.

No entanto este próximo portal é poderoso porque irá activar em cada um de nós o início do efeito das energias da Divina Luz do Cristo, a qual terá o seu máximo no portal triplice do 11:11:11.


Para que tal aconteça com a maior intensidade possível, revelando os Códigos do Graal de Luz que irão activar o potencial dentro de nosso ser físico para transportar a Chama Dourada da Consciência Crística, propomos que façam neste dia a seguinte meditação canalizada de Maria Madalena.


A meditação da Rosa Sagrada para o 11:11:11



Sentem-se muito calmamente e permitam-se respirar profundamente. Foquem a vossa atenção no vosso Sagrado Coração e sintam o fluxo da Energia Divina que se desloca através do vosso corpo.

Vocês são lindos e são amados.... muito profundamente amados.

Sintam o amor fluir em cada célula do vosso corpo e em todas as dimensões da vossa representação nos Reinos da Luz. Sintam-se profundamente amados. Respirem o Amor. Sintam-no no vosso Coração.

Respirem profundamente pelo nariz e expirem pela boca, permitam-se respirar o movimento da vida através de seu corpo. Sintam-se profundamente amados. Permaneçam assim observando essa respiração amorosa pelo menos durante dez minutos.

Depois, devem sentir-se com o corpo leve e a mente clara. Agora centrem-se de novo no vosso coração e peçam ao vosso Eu Superior para alinhar vossas Energias interiores dos Divinos Masculino e Feminino.

Sintam a explosão do brilho estático no vosso Coração deslocando-se para baixo ao longo do seu corpo, através dos chacras inferiores e da terra, até à Estrela da Terra. Sintam-se ligados à Terra e da Terra visualize uma ligação directa ao vosso coração. Inspirem esse Amor em vossos corações.

Vejam como se sentem aquecidos suavemente por esse Belo AMOR. Sintam a energia da Graça Divina ao vosso redor. Confia absolutamente que está sendo apoiado e guiado de dentro da luz Divina.

Então, agora, permitam-se sentir o canal em voss0 Corpo de Luz que se alinha com a coluna, e permitam-se receber essa energia do amor que sobe do coração até a coroa. Neste ponto, irão sentir a glândula pineal a ser activada numa explosão de luz e amor, por cima, pétalas da Rosa começarão a abrir-se.

Será uma experiência linda de pleno êxtase. A partir de agora estarão prontos para receber o amor divino que se vai derramando através do vosso coração em direcção à Terra. Permitam-se sentir a abertura da Rosa à vossa volta. As cores irão girar e começará a formar-se uma Esfera do Espírito reestruturada para os padrões de geometria sagrada da Rosa Sagrada.

Queridos Filhos da Luz, saibam que são muito amados. Saibam que esta rosa bonita da Luz será o Espírito e a vossa Alma o seu veículo que irá elevá-lo à Consciência Cósmica. Nós celebramos com vocês a abertura da Rosa .... a flor do amor. Sintam-na como esta reestruturação da vossa energia vos irá abrir-lhes a Criação da Matriz Cósmica, o Grande Útero de toda a Criação. A vossa própria Essência Divina se transformará na Luz Divina da Criação.

Amados filhos da Luz, este foi o meu trabalho e meu objetivo com o meu AMADO. E conseguimos. Por agora, estamos aqui para vos dar estas palavras simples, que começará a disparar a sequência de realização dos Códigos do Graal para os que estão preparados para aceitar sua própria transformação e a emergência na nova forma que a Terra terá. Para nós, este é um momento de grande alegria, pois vemos a conclusão do que viemos fazer há dois mil anos atrás e alegramo-nos, que não só o nosso trabalho se encontra completo, mas o trabalho de muitos outros que têm servido o Plano Divino para a sua Evolução e Ascensão para a Flor da Luz que são.

Assim, no final desta meditação, sabemos que o processo já começou.

Respirem profundamente e permitam-se voltar a centrarem-se no vosso Coração. Respirem fundo mais uma vez e levem a vossa consciência para dentro do vosso corpo novamente.

Amados, sabemos que, com esta rosa abre-se a Esfera do Espírito, e por isso vão experienciar uma grande mudança. Vão-se sentir seguros, amados, ligados ao nosso amor, e irão saber que tudo estará bem, não importa o caminho que seguirem. Vão sentir a leveza no vosso coração e gozar a vida com riqueza e a abundância de Bençãos Divina.

Estarão finalmente em casa com imenso AMOR no coração, mas vai precisar andar agora na mais alta integridade e na verdade, seja qual for a sua verdade. Fale a sua verdade e viva a sua Verdade. Precisa estar desperto, consciente e exigente, terá de ser aberto, honesto e amoroso. Para aceitar a Rosa da Luz e a sua esfera do espírito há que manter uma pureza e uma integridade ética da vossa vida.

Qualquer coisa que não esteja na mais elevada integridade criará imediatamente uma desarmonia que só poderão voltar a ser re-alinhados retornando a este estado de benevolência, que é o resultado da vida na integridade, na verdade e no amor mais elevados.

E assim, nós vos deixamos com grande alegria em nossos corações!

Sejam muito amados pois são Seres maravilhosos.

Agora são pura Luz Divina. São a Rosa Sagrada!

Texto adaptado da tradução de uma canalização de Maria Madalena por Célia Fenn.

Fiquem em PAX...

(A Mónada)

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

MÃE


Através dos tempos
Teus olhos compassivos
Derramaram lágrimas de Cristal
Vindas do mais Puro AMOR
Que brota do Teu Coração
Tuas doces lágrimas
Caíram por Teus Filhos
Que se julgavam abandonados
Excelsa Mãe Celestial
Tuas lágrimas foram de Cura
Elas envolveram este Teu Amado Planeta
Tornando-o num espelho
Que reflecte a beleza do Teu Amor,
No Renascer ...
De um Novo pulsar planetário
Agora que estamos
No limiar dos Novos Tempos
É neste momento Esplendoroso
Que finalmente os Corações se abrem
Á Tua Gloriosa Presença
Eterna Luz Maternal
Que acolhe seus filhos
No seu regaço de PAZ
Dando-lhes todo o AMOR
No Caminho
Para uma Nova Esperança de Vida
Aquela que é a VIDA Eterna
Junto ao CORAÇÃO da Mãe Criadora
Energia Feminina Intemporal
Coração Universal
Em Liberdade Absoluta
Ao encontro do UNO.



Fiquem na minha Paz

EU SOU A VOZ DO CORAÇÃO

EU SOU

MARLIZ

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

De novo a FÉ


“Um montanhista um dia num passeio sobre um penhasco muito alto, de repente sente um dos pés a escorregar e não tem mais tempo senão segurar-se num pequeno galho, sob um enorme precipício.

Ele sabe que aquele pequeno galho não vai aguentar por muito tempo o seu peso e não consegue arranjar forma de se elevar e voltar para o topo do penhasco.

Começa a gritar por auxílio:

- Socorro!!! Acudam-me!

- Socorro!!! Está aí em cima alguém que me possa ajudar?

Mas o tempo vai passando e nada acontece.

Desesperado pede ajuda a Deus que o salve e no momento em que o faz, logo se começa a formar no céu uma nuvem escura, onde brilha uma Luz por de trás, muito brilhante, e ouve-se uma voz forte:

- EU ESTOU AQUI … para te ajudar.

- Oh! Muito obrigada meu Deus… eu de facto estou aqui pendurado há já algum tempo e este galho está prestes a partir-se e se ele se parte eu caio e tenho morte certa. – dizia o montanhista com voz trémula…

De novo a voz de Deus se fez ouvir com grande fulgor:

- E tu meu filho! Tens fé?

- Oh! Meu Deus… Claro que tenho fé… eu estou aqui pendurado e estou a falar contigo… é claro que tenho fé.

- Muito bem meu filho – responde-lhe Deus.

– Então Larga-te!!!

- Mas oh! meu Deus o precipício é enorme e isso é morte certa! - Exclamou o montanhista.

- Larga-te!!! – voltou a ordenar-lhe Deus.

O montanhista cheio de medo, olhando de novo para o precipício e voltando a face para o alto volta a gritar:

- Socorro!!! Acudam-me! Está aí em cima alguém que me possa ajudar?“


Esta pequena história, de autor desconhecido, que hoje aqui vos trago é bem o exemplo do que chamamos muitas vezes erradamente de fé.

Pedir, nós somos capazes de pedir… normalmente em situações de grande aflição, ou em que sentimos um imenso medo... nós pedimos o milagre. Nós pedimos, e até fazemos uma espécie de negociação, no caso de sermos atendidos, como se a graça Divina fosse passível de uma transacção. A isto nós chamamos de promessa.

Depois se não formos atendidos ficamos chateados com ELE.

Mas será que quando pedimos, o fazemos com fé?

Somos capazes de largar o galho?... ou fazemos como o montanhista?

Se fazemos como o montanhista e acreditamos, mas não confiamos, nem nos entregamos à providência Divina, será isto ter fé?

Pois é… Para se ter fé não basta acreditar… de facto há que confiar e entregarmo-nos aos desígnios Divinos, por mais absurdos que nos possam parecer. Na base dessa confiança tem de haver a certeza de que somos filhos de Deus e Este, como Mãe/Pai que é, jamais deixará que algum mal aconteça a quaquer um dos seus filhos.

Tudo o que nos pode acontecer é sempre perfeito e estará seguramente de acordo com o nosso propósito maior, mesmo que tal nos possa parecer como um enorme precipício, como acontecia ao montanhista da nossa história.

A Fé é um dom que se conquista, trabalhando-a a partir do acreditar e do sentir do AMOR em nós. Aí sim, sabemos que somos infinitamente AMADOS.

AMADO EU SOU! AMADO EU SOU! AMADO EU SOU!

Fiquem bem

(A Mónada)

domingo, 25 de outubro de 2009

Viagem ao centro de mim


Sento-me ao centro
Deste imenso vazio
Abandono-me ao silêncio
Do meu Templo
È no espectro
Deste azul imenso
Que meu Ser Alado
Se desprende ao encontro
Da Alma Maior
São milhões de estrelas
Que me Iluminam o Caminho
É maravilhoso
Sentir novamente
Este estado de quietude
De Liberdade
De Paz infinita
Saboreio cada segundo
Deste percurso
Reparo então
Que ali bem perto de mim
Surge uma longa escadaria
Com degraus cor de esmeralda
O corrimão é um entrelaçado
De lindas flores coloridas
Sou convidada a subir
Por uma doce vibração
Que ressoa no meu peito
Como um doce abraço
De boas vindas
No regresso a CASA
A cada degrau
O aroma das flores
Se torna mais intenso e doce
Com um ligeiro toque a canela
Chego ao topo das escada
E sou agraciada
Com uma chuva de pétalas
Que formam a passadeira
Que me conduz
A um palácio de cristal
Com uma enorme porta
Em forma de Coração
Entro nessa câmara flamejante
Alimento da minha Alma
E nessa fusão esplendorosa
Numa doce explosão interna
O meu microcosmo
Se expande
Em milhares e milhares
De ondas coloridas
Por todos os Universos
De Amor Maior
Esta é a fusão Consciêncial
No Campo Vibratório
Da Mente Criadora
AMADO EU SOU! AMADO EU SOU! AMADO EU SOU!



Fiquem na minha Paz

EU SOU A VOZ DO CORAÇÃO

EU SOU

MARLIZ

terça-feira, 20 de outubro de 2009

LÁGRIMAS


Lágrimas são de alegria e de tristeza
Qualquer uma delas nos mostra a beleza,
De tristeza porque sentes o que vives,
De alegria porque vives o que sentes.

Lágrimas de alegria, sorriso molhado,
Lágrimas tristes esperam o sonhado,
Encontram o sorriso como combinado,
Guardadas são sentimento recalcado.

Lágrimas caiem, momentos lembrados,
Não incriminam, nem descriminam-nos,
Água do teu ser que em ti vês nascer,
Limpa esse vidro que não te deixa ver.

Prova o amargo e irás saborear o real
Sabor do doce, darás a ele o verdadeiro
Valor, lágrimas amargas que te adoçam,
A alma vive, as lágrimas são um sinal.



Bruno Dias

sexta-feira, 16 de outubro de 2009

AMOR ROMÂNTICO

Para o ego, o amor é crime. Ele procura convencer-nos de que o perdão é uma atitude perigosa que implica um sacrifício injusto da nossa parte. O ego afirma que o perdão nos pode conduzir a situações em que nos tornamos um capacho do outro. Para o Ego, o amor significa fraqueza. Para o Espírito Santo o amor significa força.”

“Não há Amor o não ser o de Deus”

“Não há categorias diferentes de Amor. Não há diferenças entre o amor que existe entre uma mãe e o seu filho, entre amantes e entre amigos. O amor que é real é o amor que está no coração de todas as relações. Esse é o amor de Deus e não muda com a forma ou com as circunstâncias.”

As pessoas perguntam-se muitas vezes: “Porque é que eu não consigo encontrar um romance profundo e íntimo?” A pergunta é compreensível, porque elas estão sozinhas. Um amor íntimo e romântico, no entanto é como fazer um trabalho académico para chegar ao doutoramento nos caminhos do amor, mas muitos de nós ainda mal saímos da escola primária.

Quando nós não temos uma relação, o ego tenta convencer-nos de que o nosso sofrimento desapareceria se tivéssemos uma relação. Todavia, se a relação é duradoura, ela vai na verdade trazer à superfície muito do nosso sofrimento existencial. Isso faz parte do seu propósito. Vai exigir todas as nossas capacidades de compaixão, de aceitação, de libertação, de perdão e altruísmo.
Nós temos a tendência de esquecer os desafios que estão envolvidos numa relação quando não temos nenhuma, mas lembramo-nos deles de uma forma suficientemente clara, mal tenhamos uma.

As relações não afastam o sofrimento. A única coisa que afasta o sofrimento é curar aquilo que o causa.

Não é a ausência de outras pessoas na nossa vida que nos causa sofrimento, mas sim aquilo que nós fazemos quando eles estão presentes. O amor puro não pede nada, a não ser a paz para o irmão, sabendo que só desta maneira podemos estar em paz connosco.
O ego vai fazer tudo o que puder para bloquear a experiência do amor sob qualquer forma.

Quando duas pessoas se unem em Deus, os muros que parecem separá-las desaparecem. O amado não parece ser um simples mortal. Ele parece, durante algum tempo, ser algo diferente, algo mais. A verdade é que ele é algo mais. Ninguém é menos do que filho de Deus, e, quando nos apaixonamos, temos um instante em que vemos a verdade total acerca do outro. Ele é perfeito. Não é apenas imaginação.

Mas a loucura instala-se rapidamente. Assim que a luz aparece, o ego inicia a sua poderosa acção para a apagar. De repente, a perfeição que vislumbrámos no plano espiritual passa a projectar-se no físico. Em vez de percebermos que a perfeição espiritual e a imperfeição física e material existem em simultâneo, começamos a procurar a perfeição material, física.

Nós achamos que a perfeição espiritual do outro não é suficiente. O Outro também tem de possuir roupas perfeitas. Tem de estar na moda. Tem de deslumbrar.
Nós idealizamo-nos uns aos outros e, quando alguém não está à altura desse ideal, ficamos desapontados.

Rejeitar outro ser humano simplesmente porque ele é humano tornou-se uma neurose colectiva.

As pessoas perguntam: “Quando é que a minha alma gémea vai chegar? Mas rezar pela pessoa certa é inútil se nós não estivermos prontos para a receber.

As nossas almas gémeas são seres humanos, tal como nós, que passam pelos processos normais de crescimento…”

“O amor rodeia-nos por todos os lados. O ego constitui um bloqueio à nossa consciência da presença do amor. A ideia que há uma pessoa perfeita que nós ainda não conhecemos representa um bloqueio enorme..."

In “regresso ao amor” de Marianne Williamson com base em reflexões sobre os princípios de “Um Curso em Milagres”

Deixo-vos com este magnífico texto, apenas apelando a que busquem o verdadeiro AMOR que já habita em vós...

(A Mónada)

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Mente Crística


São os vossos pensamentos diários, que criam a vossa realidade, embora já tenham consciência disso, continuam a ignorar o resultado negativo do pensamento egóico. Olhem para vós! Como sentem a vossa realidade? Ela pesa-vos na vossa vida? Ou pelo contrário essa realidade flui livremente, mostrando apenas que faz parte do Caminho?

A resposta a tudo isso depende, da orientação que derem aos vossos pensamentos, se utilizarem a mente egóica, ela vos levará, a situações complexas, repletas de incertezas e medos que vos desviarão do objectivo principal que é Caminhar pela Vida, usando a Mente Crística.

Então, tenham em atenção, no que se baseia a prática da utilização da Mente Crística, ora esta Mente não pode ser mais do que PURO AMOR, assim através da sua utilização, passamos a compreender que só existem duas emoções, AMOR e MEDO, assim, se todas as emoções que experienciarem na Vida forem sentidas na vibração do Amor, essas são consideradas, expressões da Mente Crística, se forem sentidas na vibração do Medo, são consideradas expressões do Ego.

Como deveis então Caminhar pela Vida?

Não vos posso dar outra resposta que não esta, porque não há outra possibilidade, Caminhar sempre em Amor Incondicional, porque Ele é a Chave de todas as Curas. Então interiorizem o seguinte: «Devem começar o dia com AMOR, ao longo do dia continuar a enchê-lo de AMOR, e terminar o dia em AMOR», isto porque, esta é a expressão Crística, não existe outra. Por isso deveis transformar todos os pensamentos de indole negativa, em Amor, e enfrentar todas as situações, respeitando a Unicidade, com Amor e Paz.

Praticai diariamente a utilização da Mente Crística, Ela está em vós, e vos levará, à clareza, à firmeza e à estabilidade, e consequentemente ao equilíbrio emocional. Assim sendo, a vossa experiência de Vida, depende de como a interpretas, a partir da Mente Egóica ou através da Mente Crística.

Está na hora, não há tempo a perder, CUREM as vossas atitudes, e são tantas que necessitam ser curadas, EU vos aguardo no reencontro da PAZ e do AMOR.

Fiquem na minha Paz...

EU SOU A VOZ DO CORAÇÃO

EU SOU

MARLIZ

quarta-feira, 7 de outubro de 2009

Pensamentos e mais Pensamentos...


Pensamentos e mais pensamentos… mas que ruidosa está essa mente. Sim essa mente porque a alma e o espírito não pensam e só se manifestam no silêncio dela.

Escusas de estar agora muito atento porque a tua mente contínua pensando a níveis mais subtis do subconsciente e inconsciente, já que estás a forçá-la a ficar calada no consciente.

Para fazer o silêncio não basta te calares e muito menos tentares parar o teu fluxo de pensamentos porque não consegues parar assim tão facilmente os que estão por baixo deles. É preferível ocupares a tua mente com algo criativo ou relaxante, em que possas notar, por outros indicadores corporais, que o teu metabolismo energético celular está reduzindo. Aí sim estarás reduzindo o fluxo dos teus pensamento e indo ao encontro da tua alma e do teu espírito.

A alma não tem stress nem qualquer forma de urgência pois ela não depende do tempo nem sabe o que isso é. Também não tem referências espaciais, no entanto pode fazer recordar-te de locais por onde tenhas passado e onde uma forte carga emocional tenha registado essa imagem através dos registos akáshicos ou cármicos dela.

O espírito, esse nem memória tem… é simplesmente a natureza da tua essência, é o Divino que há em ti. No entanto também se manifesta através da alma nos teus corpos mais densos, por via do mecanismo da intuição.

Se são a tua alma e o teu espírito o que te identificam na tua eternidade então como é que tu não permites que elas se manifestem e se exprimam, para que mais rapidamente assumas o caminho da Ascensão?

De que estás à espera para começares a controlar esses pensamentos e mais pensamentos e deixares que a tua alma e o teu espírito se manifestem e se exprimam num meio onde tudo lhes é tão natural.

Mas que meio é esse perguntarás tu? Não és capaz de adivinhar?

Pois… É o teu Mundo interior… É no sonho e na imaginação que a alma e o teu espírito se conseguem manifestar. Usando técnicas de visualização criativa a energia segue a imagens que crias e dão-lhe forma e sentido. Na visualização criativa (sonho consciente) tal como no sonho quando estamos adormecidos (sonho inconsciente) é que por processos intuitivos a alma se pode expressar e tornar-te consciente de sentimentos, paixões e memórias mais remotas que condicionam a tua vida.

É por isso que se procura dar significado aos sonhos. Sonhar de forma consciente pode tornar-se num acesso directo à expressão da alma, do espírito e mais além.

Através dessa faculdade que todos temos de podermos sonhar, e de forma bem consciente, é que poderemos materializar os nossos desejos, pois só se realizarão os que forem objectos de aprendizagem para as nossas almas, em conformidade com os desígnios que escolheste ao assumires viver mais esta encarnação.

A busca do sentir da alma deve ser para ti a LUZ que te orienta no teu caminho. O sonho consciente é o único espaço em ti onde poder recriar a tua Divindade. Repara bem que nesse teu Mundo interior não há tempo, nem espaço. Tudo abunda porque tudo tu podes co-criar… este é o ambiente natural da alma e do espírito, que só conhecem as limitações impostas pelos teus corpos físicos mais densos como sejam: o corpo físico, o corpo mental e o emocional.

Esse é um dos meios mais importantes para tornares consciente em ti uma Consciência Maior que tu és. Tu és enorme se pudesses expandir toda a energia cósmica que te está associada como sendo um só. É por isso que pela visualização criativa, tal como pela meditação, tu podes mergulhar na consciência cósmica que mora em ti, expandi-la e torná-la LUMINOSA, AMOROSA e CRíSTICA para todos.

É este o teu verdadeiro poder. DEIXA que ele se expanda nas múltiplas dimensões em que te manifestas, para poderes Ascender como um Ser Uno e Integro.

Recebe em teu coração a Energia Cósmica que o faz despertar e expande-te em AMOR.

Deixa que esse AMOR se expanda pelo Planeta numa dança de PAX e Esplendor.

Deixa-me finalmente agradecer-te por tudo o que és e vais ser ainda nesta vida aqui na Terra.

Sim tu!!! Tu mesmo que leste estas linhas… e que vibraste com elas.

Bem hajas…

Fica bem

(A Mónada)

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

MOMENTOS DO CORAÇÃO


Há quanto tempo não deixam o vosso Coração expressar-se em plena liberdade, deixando que ele solte todo o seu sentir na beleza que o AMOR contém por si só? E como sabem um Coração amoroso é fonte de Cura Alegria e Paz, e é isto mesmo que precisamos urgentemente de trazer para as nossas vidas. Assim, simplifiquem a vida, o Coração AMA a simplicidade das pequenas coisas do dia a dia, é nesses momentos que ele se manifesta numa imensa ternura e de uma forma inocente, como a doçura de um sorriso de criança, vibrem em AMOR, sem qualquer tipo de receio, dêem a conhecer a Verdade da Alma, em cada palavra, em cada momento das vossas vidas.

Hoje partilho um dos muitos e maravilhosos Momentos do meu Coração, espero sinceramente, que sirva de impulso à libertação do vosso SER.




MOMENTO

É no teu Ser
Que o meu olhar se expande
Sedento do teu abraço
Terno e longo
Que envolve
Todo o meu corpo trémulo
Aí junto ao teu peito
Perco-me da realidade
E esvoaço pelo Azul
De um Céu que me acolhe
Nesta vibração única
Que é AMAR-TE aqui e agora
Expressando todas as vidas
Que partilhamos
No mundo físico e não físico
Cada olhar teu transporta
Histórias de Vidas
Vividas ao som de um Amor Imenso
Que nos embala a Alma
Teus beijos são brisas suaves
Que roçam a minha pele
Deixando nela a ternura
E o calor dos teus lábios
Tuas mãos cheias de doces carícias
São receptáculos
Do AMOR que flui
Do teu doce Coração
Que deixas em mim
Em cada momento de AMOR
Mas o que são esses momentos?
São todos os segundos
Que partilho contigo
Por isso cada segundo
Das nossas vidas
É envolvido
Pelo sentimento
Do Amor partilhado
Em respeito e liberdade
Pelo o que cada um É
Amor e Luz em movimento
Amo-te como sempre te Amei
Através de todos os tempos
E para toda a eternidade
NO SER ÚNICO QUE SOMOS.



Fiquem na minha Paz

EU SOU A VOZ DO CORAÇÃO

EU SOU

MARLIZ

domingo, 27 de setembro de 2009

A Verdadeira Comunhão


"Enquanto não tiverdes aprendido a alimentar o fogo na vossa alma, de nada serve reclamardes a presença divina. Mesmo que alguém vos dê essa presença, vós perdê-la-eis muito depressa, pois um fogo que não sabeis alimentar em vós apaga-se. Vós gostaríeis de receber a Divindade como os cristãos recebem a hóstia que o sacerdote lhes dá. Mas Deus não está na hóstia; o estado divino é algo que cada um de nós deve preparar, conquistar, alimentar.

Aquilo que a Igreja inculcou na mente dos seus fiéis nem sempre está em conformidade com as leis divinas. Por que é que ela se apropriou do direito de dar Deus? Ela diz: «Abri a boca. Ao abençoar a hóstia, nós fornecemos-vos o divino.» E, deste modo, ela mantém os cristãos na preguiça; é por isso que tantos deles ficam dependentes e fracos. Jamais alguém vos dará Deus. É a vós que cabe encontrá-l’O, esforçando-vos todos os dias por vos tornardes condutores da Sua sabedoria e do Seu amor; e, quando Ele penetrar em vós, saboreareis a vida eterna."

Texto de Omraam Mikhaël Aïvanhov

Não entendeis este texto como uma qualquer crítica a alguém ou à prática religiosa Católica da comunhão, pois não é disso que se trata.

Este texto é muito importante para vos chamar à atenção de que Deus mora em vós e que não precisam de o ir procurar fora de vós. Antes porém, há que sentí-lo dentro de cada um de vós e de nada servirá comungares todos os Domingos na missa se não sentires estares em comunhão permanente com esse fogo da alma onde mora Deus em ti. Isto sim!... É estar em comunhão com o Cristo que há em ti.

O autor também refere que algo mais se deve passar em nós. Mais uma vez de pouco servirá se formos todos os Domingos à missa e depois na nossa vida de todos os dias nada alterarmos e aprendermos, como se esta rotina ou ritual fosse suficiente. Não podes ficar em comunhão apenas por alguns minutos ou horas que sejam…

Tu tens de ganhar consciência que como filho de Deus, tu também fazes parte da GRANDE família Cósmica que Deus é. Tu e Deus são um Só.

Por isso, nesse acto simbólico da entrega da hóstia, ninguém te dá Deus pelo simples facto de que ninguém te pode dar o que tu És. Será que ainda não sentiste isto? Será que ainda não te deste conta da eternidade da tua alma? Daquele fogo que em ti arde sem se ver? Daquele AMOR imenso que DEUS É e do Qual tu és uma parte?

Então estás a dormir profundamente na ilusão do EGO que julgas ser… mas não és.

Está na hora de Despertar para uma Consciência Maior. Está na hora de abrires os olhos do teu coração e veres através da tua consciência as tuas múltiplas dimensões. Está na hora de fazeres despertar a mestria que há em ti. Está na hora de permitires que Jesus Cristo se manifeste no teu coração e na tua Consciência para que se realize o milagre da tua ligação por fusão em Mãe/Pai.

As religiões e os seus rituais não servem para mais nada senão para te encontrares com este maravilhoso e ardente fogo que há na tua alma e que é verdadeiramente o que tu és.

Vá… agora que já despertaste para o Ser, já não podes mais voltar a adormecer e a deixar que tem embalem em rituais que já não fazem mais sentido, pois tal como refere o autor do texto, é a ti que te compete alimentar esta caminhada para Deus, mergulhando em ti, sentindo o calor do AMOR Divino que há em ti. Fazendo despertar a sabedoria e o imenso desejo de estares em permanente fusão com a tua família de LUZ.

Pois Tu és LUZ… Tu és Deus… Tu foste redimido por Jesus em seu profundo AMOR por ti.

Sente esse mesmo Jesus dentro de ti e estarás sempre em Comunhão e Graça.

Fica bem

(A Mónada)

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Apenas Caminhar


Ao longo desta estrada sem fim, percorro o caminho que me leva a Ti, são tantas as encruzilhadas, tantas as direcções, mas um só objectivo, chegar ao destino, AMANDO EM MIM O TODO QUE CADA UM É. Assim sendo, que importa os altos e baixos, e as pedras que vão surgindo? São aprendizagens, e nada pode impedir a minha vontade de evoluir, caminhando para a Luz, se for essa a vontade do Coração.

Neste percurso a que me entrego, o silêncio é tão profundo, que enche todo o vazio em Mim, de uma forma doce e pacificada, que me permite ouvir e entender outros sons que me vão chegando, dando umas pinceladas, nesta Nova Vida que Renasce.

Em cada passo que dou, sinto tremer as pernas, o caminho não é fácil, e tal como uma criança perante o desconhecido, vacilo perante a mudança, mas ao mesmo tempo, sinto debaixo dos meus pés, o carinho, ocalor desta Amado Planeta Terra que me acolhe, cambaleio um pouco, mas sou amparada, não caio, nunca caio, sinto sempre a Tua Mão na minha, apoiando-me e encaminhando os meus passos, que se vão tornando cada vez mais firmes, à medida que aos meus ouvidos, vão chegando palavras de AMOR que um Pai/Mãe sempre dá quando quer ajudar os filhos a avançar no Projecto Vida, e assim:

- Escuta minha filha! Liberta o teu Coração de todas as amarras que ainda te prendem, vai sempre em frente, não hesites, não te entregues ao medo, o medo arruina todos os teus sonhos, avança, avança sempre, não te importes quando por vezes, surgem focos de escuridão, é apenas uma Ilusão, ela não existe, é apenas uma ausência de LUZ, então vai em frente até encontrares a LUZ, e tudo ficará Iluminado, dentro e fora de ti, e aí vais perceber, que nada mais existe a não ser LUZ. Não te agarres ao passado, não te limites, liberta-te de todas as crenças, aprende a SER AQUI E AGORA e aprecia com Alegria e Felicidade, a possibilidade que tens de estar na LUZ, experienciando outra forma de SER.

AMA-TE, AMA a LUZ que há em Ti, e estarás sempre em MIM. Este é o CAMINHO.

«Que cada um percorra sempre o Caminho seja ele qual for, no final o AMOR estará de braços abertos para te ACOLHER».

Fiquem na minha Paz

EU SOU A VOZ DO CORAÇÃO

EU SOU

MARLIZ

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Árvore da Vida


As gotas que escorrem pelo ramos,
Sempre alimentou o mais tenro rebento,
Neste manto de luz vejo o vosso renascer,
Apresento este intemporal pensamento,
Sou luz num dos grandiosos universos.

É pela vontade do amor que são cozidas,
As pontas aos vossos olhos desunidas,
Vossos seres, agulhas que ajudam a tecer,
Há muito tempo que as vejo contidas,
Sem receio, vosso dom permite utilizá-las.

Houve vidas dedicadas a uma tapeçaria,
Houve dias dedicados ao abraço fraterno,
Sol a sol houve celebrações de fazer chorar,
Choro de alegria, choro de agradecimento,
Um sentir profundo em sorrisos de empatia.

Venho relembrar a vossa eterna morada,
A que está no vosso coração anotada,
Entrem que a porta nunca está fechada,
Aos cépticos, aos que não ouvem nada,
Acreditem, não será feita só uma chamada.


Bruno Dias

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

A Aura e as Virtudes


"O poder dos seres espirituais é o poder da sua aura. Um grande Mestre é capaz de estender a sua aura ao ponto de tomar toda uma região sob a sua protecção e de penetrar, ao mesmo tempo, na aura dos humanos que a habitam a fim de insuflar neles uma vida nova.

Ele sabe que as suas possibilidades materiais são limitadas, mas no plano psíquico elas são imensas e ele não tem outro desejo que não seja o de expandir a sua aura para alcançar e ter sob a sua protecção o maior número de criaturas.

Por intermédio da sua aura, um Mestre espiritual trabalha também sobre a vegetação e age sobre as correntes atmosféricas. É ainda graças a essa aura imensa, que lhe permite atingir inúmeras regiões do Universo, que ele alcança uma compreensão tão profunda das coisas. Também vós podeis desenvolver a vossa aura e torná-la mais intensa, mais vibrante, mas isso supõe que comeceis por trabalhar sobre as virtudes: o amor, a sabedoria, a verdade, a justiça, a pureza e a bondade."

Texto de Omraam Mikhaël Aïvanhov

A aura, segundo várias religiões e tradições esotéricas, é um elemento etéreo, imaterial, que emana e envolve seres ou objectos.

A aura de cada um depende dos seus estados físicos, mentais e emocionais. Antes de se manifestar qualquer sintoma físico, as alterações das auras anunciam as alterações bioquímicas que de seguida poderão causar patologia diversas.

Por isso, há que cuidar das nossas auras, dando-lhes não só tons claros, que significam a harmonia do Ser, como também cuidar das nossas mentes para que as emoções causadas pelos nossos pensamentos não as modifiquem ao ponto de se tornarem permeáveis a doenças mais ou menos graves.

Uma das formas de manter a sua aura saudável é, como refere o autor do texto, trabalhar as virtudes. No entanto, isso muitas vezes não é suficiente. Há que ter muita atenção às nossas formas de pensamento, que por vezes são fontes de escoamento da nossa energia só por si.

Vejam por exemplo o que acontece quando uma preocupação nos assola a mente. Vejam quantas vezes ela se repete no fluir dos vossos pensamentos e que ligações nos traz à memória. Sintam a vossa a energia a sair… e vejam como ficam rapidamente exaustos.

Estas formas de pensamento repetidas denominam-se por obsessoras e são uma das piores. Por vezes a nossa mente fica de tal forma dominada por elas que não se consegue desligar roubando-nos o sono ou o nosso estado de harmonia e calma. Uma forma de as reconhecer é por via da sua manifestação na nossa mente (tal como se tratasse de um risco num velho disco de vinil). Mas por vezes elas escondem-se a níveis mais profundos do subconscientes criando-nos estados de ansiedade. Por isso a falta de sono e a inquietude são dois bons sintomas da existência de um obsessor no nosso corpo mental que parasita a nossa energia.

Mas não é o único. Por exemplo, outra forma de pensamento igualmente muito subtil é a opressora. São pensamentos de culpa ou de mágoa que nos oprimem o coração e que nos colocam um enorme peso no peito.

Mas há mais… Muitas mais que nos bloqueiam, que nos paralisam, que nos entristecem, que nos punem… enfim.

Como evitar a entrada na nossa mente destes tipos de parasitas mentais?

A melhor forma é de facto cuidar todos os dias das nossas formas de pensamento observando-os e sentindo as emoções que eles provocam. Rezar, orar, proferir afirmações positivas ou recitar mantras são por vezes a maneira mais eficaz de reduzir o fluxo dos nossos pensamentos e retornar à nossa paz e harmonia.

Mas acima de tudo cuidai da vossa mente mais crítica, aquela que, com base em crenças e preconceitos, compara e condena, pois essas formas de pensamento são terríveis para bioquímica dos corpos, cristalizando no elemento água seu constituinte fundamental.

Sim, com base na qualidade dos teus pensamentos, tu escolhes as doenças que vais contrair…

Segue o Caminho das Virtudes com Muito AMOR e serás um farol que iluminará os outros e os curarás.

Fica bem…

(A Mónada)

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

EU SOU!


Eu sou… a perfeição, a compaixão, a paz,
Sou confiança, a lembrança que deus traz,
É no meu coração que a minha energia jaz,
E não é de agora já vem muito lá de traz.

Sou a vida, a enorme alegria da ressurreição,
Semelhança de deus, sou sua manifestação,
Sou a parte do todo, sou uno com a criação,
Um presente da vida ao serviço da evolução.

O meu caminho é a emoção, meus passos
São acompanhados pelos meus sorrisos,
Pelas lágrimas que surgem em sentimentos
De eterna gratidão… não estamos sozinhos.

Somos amor, beleza, harmonia, opulência,
Deus faz de nós a sua eterna residência,
Se te escutares sentirás a sua presença,
Jamais experimentarás a sua indiferença.


Bruno Dias

sábado, 5 de setembro de 2009

MENSAGEM URGENTE do Portal 9:9:9

Para a informação de todos relativamente ao próximo dia 9 de Setembro de 2009... Desliguem o som do BLOG... e vejam com atenção.



Fiquem bem

(A Mónada)

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Sê simplesmente o que TU ÉS


"Aquele que dá a primazia ao espírito, à luz, pode evoluir verdadeiramente. Mas é evidente que, primeiro, ele deve sentir necessidade disso e essa necessidade não se fabrica: vem-se ao mundo com ela ou não, o que depende da vida que se levou noutras encarnações. Se um homem vem à terra com uma necessidade de espiritualidade, muito poucas coisas, um livro apenas, algumas palavras, dar-lhe-ão um impulso que nada poderá parar. Ao passo que um outro, mesmo que o mundo inteiro venha pregar-lhe, de nada servirá, porque ele tem tendências que o arrastam noutra direcção.

Portanto, para poderdes voltar na próxima encarnação com esta necessidade de vida espiritual, deveis começar a partir de hoje.

Ainda que, por enquanto, a vida espiritual nada vos diga, mesmo assim fazei esforços, preparai o terreno e lançai nele algumas sementes…"

Texto de: Omraam Mikhaël Aïvanhov

Este texto revela-nos a verdadeira dimensão do Ser que tu és e que habita em ti… Ainda não te tinhas dado conta que és um ser espiritual eterno?

É claro que tens muitos afazeres diários e que dizes para ti que não tens tempo para ires ao encontro daquilo que és… É estranho não é?

Tu que já sabes
que o que é mais real é a tua essência espiritual que habita nesse corpo, ele próprio impregnado em cada célula da energia que te anima…

Tu que já sabes que enquanto entidade espiritual és um ser eterno…

Tu que já sabes que vieste a esta encarnação com um propósito maior…

Tu que já sabes que Deus vive em ti, em manifestação de co-criação de Consciência e Energia Universal…

Tu que já sabes tudo isto… ainda estás preocupado com a tua “vidinha” do teu dia-a-dia, com os teus sucessos, as tuas dores, os teus azares, as tuas culpas, os teus prazeres, os teus apegos e tudo o mais que materializa a tua vida em teu redor… e que…

Tu também já sabes que é tudo fruto da tua mente e do teu EGO… Sim! Não te vitimizes!!! Mesmo essas pessoas a quem tu atribuis a responsabilidade de teus males… Foste tu que as atraíste para a tua vida...

Tu que também já sabes que tudo é perfeito em cada momento do teu AGORA, pois tudo serve sempre de ensinamento para a tua progressão espiritual…

Afinal o que pensas que é Viver?

Já experimentaste dar uma intenção e sentido à tua vida mais egoica?

Não te afastes agora de TI… Daquilo que verdadeiramente tu ÉS… só porque vives a ilusão da tua “vidinha” e daquilo que tu chamas das tuas “necessidades materiais”.

Transforma a tua vida em todos os aspectos e nos papéis que tens de desempenhar num imenso caminho de evolução espiritual, dando-lhe:
- Sentido
- Propósito
- Intencionalidade
- Emoção

E sobretudo… e mais do que tudo…

MUITO… mas mesmo MUITO AMOR…

Deixando que ELE te envolva e tudo o que fizeres seja movido por esse AMOR que vem de dentro e que te conduzirá a DEUS. Como se tratasse da tua dádiva de AMOR em cada momento.

Deixa que depois esse mesmo AMOR se propague para os outros através de todas as tuas acções e atitudes.

Sê simplesmente o que TU ÉS…

Fica bem

(A Mónada)

sábado, 29 de agosto de 2009

ONDAS DE AMOR E LUZ


Neste tempo de mudança
Caminho ao acaso
Na lembrança de mim
Nesta sequência
De dias e noites
O meu coração
Vibra ao sabor
De um olhar de espanto
Entre campos
De memórias
Perdidos na encruzilhada
Dos tempos.

Mas o Coração
Reconhece a Tua Presença
Porque Tu
Sempre partilhaste
As minhas memórias
Aquelas que vivi
No Tempo e no não Tempo
Ciclos de Vida
Física e não Física
Impermanência total
Vividos em Universos
Tão distintos
Mas com um
Sentimento comum

A Tua Presença
Em mim...
Banhada por esse
Mar de Luz
Que é o Amor
Puro que brota
Carinhosamente
Do Teu Coração
De Cristal
E que me nutre

EU SOU LUZ DA LUZ

E ela me acolhe
Em Teu regaço
Na eternidade do meu SER.



QUE ESTE MAR POSSA BANHAR OS VOSSOS CORAÇÕES COM ONDAS DE AMOR E LUZ.

Fiquem na minha Paz

EU SOU

MARLIZ

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Ainda aqueles Medos que tanto te atormentam...


Lindos Seres de LUZ que vós sois… e tu em particular que és um trabalhador da LUZ, um Anjo que encarnaste para contribuir para Ascensão da Terra, são para ti estas palavras.

Está na hora de deixares os teus medos, pois a grande maioria são memórias mentais incapacitantes que tu tens de eliminar AGORA. Nós estamos a aqui para ajudar na medida em que fazemos incidir uma enorme radiação amorosa sobre a Terra, o que permite o Planeta ir ascendendo gradualmente. Mas tu que quiseste encarnar e que abraçaste a tua missão na ajuda a todos os irmãos para que a Nova Terra se instale, tens de estar nas melhores condições para que a tua ajuda seja a mais eficaz.

Esta radiação amorosa agora incrementada no Planeta serve também para te ajudar a ti, para que te libertes desses pequenos medos. Ela pode causar-te algum mal-estar psíquico e físico. Este mal-estar pode ainda ser acompanhado por situações que tu próprio atrais e que se manifestam, agora, para que te possas libertar de todos os receios que ainda tens e para que te entregues à LUZ e ao AMOR de Mãe/Pai e à missão que vieste realizar na Terra com muita FÉ.

No entanto gostaríamos que olhasses mais profundamente para cada uma das tuas incapacidades. Faz uma lista das coisas que não podes ou te achas incapaz de fazer… mas que gostarias de ser capaz de fazer. Agora olha para as suas causas. Vê bem a sua origem… Em cada uma encontrarás um medo menor e um medo maior. Este último é aquele provavelmente será comum à maioria dessas incapacidades.

Mas agora vê quantas pessoas estás a afectar por essas tuas incapacidades ou que julgas ser incapacidades? Nenhuma?!?!?!?

Pensa bem nas potencialidades Divinas que guardas em ti e nas limitações que te impões e que assim as desperdiças e as não disponibilizas ao serviço dos teus irmãos… ainda achas que as tuas incapacidades só te afectam a ti? E o sentido de doação que te é tão natural onde fica?

Nós sabemos que os teus medos maiores estão guardados a níveis muito profundos da tua mente, alguns nem serão só desta vida, mas neste momento tu tens capacidade de ganhar consciência de todos eles através destas manifestações e do mal-estar que sentes. Verás que há medida que fores capaz de tomares consciência dos medos que as provocam, mais depressa te vais sentir bem.

Tenta perceber os sinais do teu corpo. Aquela pequena dor no braço direito tem um significado… sente-a e olha para a sua origem e se ela se agravar o que te vai inibir de realizar ou fazer? E aquela dor de barriga? E aquele resfriado? Tudo tem uma causa na tua mente… e o teu trabalho interior é esse: o de ires sempre melhorando e ascendendo em vibração para que te tornes num imenso Farol de AMOR Incondicional.

Nós contamos contigo pois sabemos que estás agora nutrido de uma enorme força de vontade, de muito AMOR Crístico, mas precisas de ser tu a dar esse primeiro passo… és tu com a tua vontade que o tem de fazer… Esse primeiro passo não poderemos nunca fazer por ti pois iríamos contra o propósito maior da tua própria vinda a este Planeta.

Mas estamos sempre trabalhando em ti para que possas mais facilmente evoluir. Não desfaleças agora… tudo importa. Tudo é importante.

Para nós tu és agora o Ser mais importante… Vá anda!!!… Desafia-te!!!… Segue em frente e acredita que és capaz!!!... Lembra-te que para conseguires andar tiveste de cair muitas vezes!!!...

Agora sente-te profundamente AMADO por todas a vitórias que conquistares aos teus medos. Pois nós te ajudaremos em cada passo que dês… Nós estamos aqui para isso!!!

Bem hajas por Seres o que és!

Recebe muita LUZ em teu DIVINO coração.

Fica bem agora…

(A Mónada)