terça-feira, 8 de janeiro de 2008

Redimensionar o Ego

Eis o que se precisa compreender para redimensionar o ego humano: a ideia comum de "necessidade" leva o homem da superfície deste planeta a confundir-se diante da infinita abundância cósmica.



De um ponto de vista superior, ou seja, da nova Terra, a única e verdadeira necessidade que o homem poderá ter é a de expressar a essência cósmica que se encontra no âmago do seu ser, nos níveis mais profundos. É um impulso que o leva a progredir em consciência.

Para aqueles humanos que ainda estão na fase de insuflar o ego humano, as necessidades materiais, sociais, emocionais e mentais são muito importantes. Nota-se, contudo, que elas somente serão supridas quando o ego for posto de lado, ou quando perder o predomínio que ainda exerce sobre o homem comum.

A abundância e alegria não podem ser encontradas através do ego pessoal, ou seja, da estrutura física, emocional e mental pensante do homem. O ego pessoal, segundo todos os que o dominaram, é produto do ambiente, das forças externas e, portanto não é o verdadeiro indivíduo.

A tendência de se pactuar com as forças do ego é um movimento intelectual moderno, considerado já superado por aqueles que conhecem interiormente a constituição do seu próprio ser. A realidade é encontrada pelo homem, quando ele abre mão de tudo o que conscientemente é e quando entrega aos níveis superiores do seu ser todas as lembranças do seu passado terrestre.

...Todos partilharão do mesmo conhecimento e cumprirão as tarefas determinadas pela nova lei evolutiva conhecida até então no planeta.

Conhecerão assim o verdadeiro amor e saberão que são parte de uma harmonia que os integra definitivamente à ordem do universo.

A evolução futura terá um novo homem, com uma cultura que não mais o afastará do estado Deus-Homem. Essa cultura dará a ele uma consciência inteligente que o integrará, por milénios, a outras civilizações que povoam esse infinito cosmo de energia de amor.

Texto de Trigueirinho

Não se esqueçam que o Ego não é mais um corpo, mas a síntese de todos os aspectos da nossa personalidade ou, se quiseram, pode também ser definido como sendo a síntese criada pelo próprio Ser, de todos os seus corpos precepcionados, incluindo o etérico físico.


Durante o processo evolutido, o Ego vai começando a ligar-se à Alma tornando-se a "força motriz" da sua vontade. Há medida que vamos evoluindo, o Ego tende a integrar-se com a própria Alma nesta fase passará a existir um alinhamente perfeito entre nós e o nosso plano evolutivo.


Assim, temos de ir percorrendo este longo caminho que pode ser muito facilitado pela prática das virtudes essênciais, destas o AMOR é a que nos ajudará a seguir no rumo certo.


Vivam em AMOR.


Fiquem bem.


(A Mónada)

4 comentários:

Anónimo disse...

Aproveito para desejar um Ano Novo repleto de Amor...a "chave" para as dimensões de Luz...
Bem hajas!

(A Fadinha)

A Mónada disse...

Obrigada Fadinha.Tem também tu um ano cheio de LUZ no teu coração.

Volta sempre para viajarmos nesta NAVE.

Fica bem.

(A Mónada)

Vilinha disse...

É bom vir aqui, de vez em quando. Obrigado (:

helena disse...

Respira-se serenidade neste teu blog-
Uma pausa no caos, que através do AMOR, se transforma em PAZ.
Muita LUZ para ti