sexta-feira, 20 de outubro de 2006

A cozinha dos sentidos

A minha amiga Carla pediu-me para divulgar um curso que ela própria irá coordenar... Hmmm! e a mim de repende deu-me uma fominha...

Para mim cozinhar é uma arte e é uma forma de expressar a nossa creatividade, amor e carinho. Por isso... Partilho do que a Carla aqui refere:
"Cozinhar é aprender a desenvolver um sentimento profundo de maravilha e apreciação por toda a vida, e uma mentalidade de quem pode transformar dificuldades em desafios.

Vamos aprender a escolher os alimentos e a cozinhar com amor, cuidado e uma mente pacífica. Vamos fazê-lo praticando.

Estimular a criatividade, desenvolver os diferentes sentidos e promover o intercâmbio de experiências entre os diversos participantes são os objectivos destes encontros. Essa será a nossa aventura em cada instante."



CURSO DE CULINÁRIA DE COMIDA SAUDÁVEL

PERÍODO: De Outubro de 2006 a Junho de 2007

DURAÇÃO: 9 sessões de 5 horas (das 10h00 ás 15h00)


LOCALIZAÇÃO:

Rua Nova de São Mamede, 56 – 4º Dtº em LISBOA
(Perpendicular à Rua da Escola Politécnica – perto do Largo do Rato e antes do Príncipe Real)



Para quem estiver interessado/a os contactos são:


CONTACTOS:
e-mail: dos.sentidos@netcabo.pt
telefones: 964180524 / 919441888



Fiquem bem.

(A Mónada)

5 comentários:

Patrícia Santos disse...

Olá!!

Obrigada por passares nos meus blogs. Vi no teu Profile que gostas dos livros do Brian Weiss. Eu fiquei fã, desde que li o primeiro.

Muito obrigada.

Beijos

Anónimo disse...

Gargalhadas.... porque será que também eufiquei com fome?

Gostei da ideia de cozinhar com paz, com o espirito em paz...

rosario

António Rosa disse...

Lindo, lindo, lindo. A humanização 3D da vida, tal como ela é. Que linda aprendizagem. E que lindíssimo post.
E, em simultâneo, de uma espiritualidade elevada.

Parabésn a ti e à autora do curso.

greentea disse...

gosto de cozinhar e fazer pratos especiais qd estou para ai virada; so gosto de cozinhar com amor e faço-o usando toda a minha criatividade.
Nao uso receitas que nao tenho paciencia : provo um prato aqui outro acola e vou fazer depois; outras vezes, folheio uma revista de cozinha começo a ler uma qualquer receita mas nunca vou ate ao fim, alias metade delas estao enganadas . E faço a gosto.
A minha filha passa-se comigo pois diz q eu nao sei ensinar - tudo e feito a olho, as vezes sem mesmo provar, sei pelo cheiro se esta bom ou nao, no ponto...

Manias ... a minha avo era assim tb.!

A Mónada disse...

Para todos os comentadores os meus agradecimentos.

Abraço grande para todos.

Fiquem bem.